LEP - Laboratório de Engenharia Pulmonar

Áreas de Atuação

  • Monitoração do sistema cárdio-respiratório;
  • Trocas gasosas;
  • Modelagem de sistemas fisiológicos;
  • Avaliação de qualidade de equipamentos.

Projeto de Pesquisa

Instrumentação e controle da respiração A respiração pode ser abrangentemente conceituada como o conjunto de processos relacionados com a produção e disponibilização de energia útil, quer de organismos uni ou pluricelulares ou, mais genericamente, de conjuntos de organismos tomados coletivamente. A monitorização e o controle de parâmetros respiratórios e correlatos concorrem para o diagnóstico e intervenções visando a manter a produção necessária de energia. O objeto deste projeto é a construção e caracterização de métodos e dispositivos para monitorização da respiração e processos correlatos. Os métodos e dispositivos consistem genericamente de programas, transdutores, condicionadores de sinal, digitalizadores, processadores, meios e técnicas de comunicação e controladores para monitorizar e atuar sobre a ventilação pulmonar, as trocas gasosas, a circulação sangüínea e outros processos.

Professores

Para conhecer mais sobre as atividades de cada professor explore o CV, os trabalhos, orientações, publicações, linhas de pesquisa, áreas de atuação, grupos de pesquisa e outros clicando nos icones Lattes Grupo Pesquisa Sigma Home

  • chefeAlysson Roncally Silva Carvalho, Dsc. Lattes Sigma Grupo Pesquisa

    roncally.carvalho[arroba]gmail.com (fone 3938-6557)

  • Antonio Giannella Neto, D.Sc. Lattes Sigma Grupo Pesquisa

    agn[arroba]peb.ufrj.br (fone 39388575)

Telefones do Laboratório

Laboratório Multidisciplinar: 3938-7796

Alunos de Doutorado: 3938-7797

Alunos de Mestrado: 3938-7795 / 3938-7798

Projetos Específicos

Alysson

Lesão Pulmonar Associada à Ventilação Mecânica: Estratégias Ventilatórias e Inflamação Pulmonar: Descrição: O presente projeto de cooperação internacional visa a somar as experiências, infra-estruturas experimentais e especialidades dos grupos de pesquisa envolvidos em um tópico de pesquisa na área de saúde (lesão pulmonar associada à ventilação mecânica), que vem sendo estudado pelos dois grupos nos últimos anos. A experiência anterior e os resultados da colaboração com o grupo alemão da Universidade de Dresden é a premissa para considerar o presente projeto mutuamente benéfico para os grupos envolvidos. Os objetivos gerais deste projeto são: 1) Estudar os impactos de estratégias ventilatórias baseadas na combinação de manobra de recrutamento pulmonar e diferentes níveis de PEEP, mantendo-se um baixo volume corrente, no disparo de mediadores pró-inflamatórios indicadores de lesão pulmonar associada à ventilação mecânica. 2) Avaliar as implicações de cada estratégia ventilatória nas trocas gasosas, hemodinâmica e distribuição regional da aeração e perfusão pulmonar. O protocolo experimental será realizado em suínos com lesão pulmonar induzida por depleção de surfactante e dano alveolar difuso gerado por um período de ventilação com alto volume corrente. Após a instituição da lesão, os animais serão aleatoriamente alocados em três grupos : 1) Open Lung, (PEEP = 25 cmH2O); 2) Moderate Open Lung (PEEP = PEEP de máxima complacência); 3) ARDSNet (PEEP = 10 cmH2O). Cada grupo será ventilado por um período de 6 horas e ao final do experimento o pulmão será removido para análise histopatológica e da perfusão pulmonar. Adicionalmente, amostras de sangue serão colhidas para avaliação dos mediadores pró-inflamatórios. Com este protocolo pretendemos separar os fenômenos de recrutamento (com o uso de baixos níveis de PEEP) e hiperdistensão cíclica (com o uso de níveis de PEEP maiores que a PEEP de máxima complacência). Adicionalmente, estudaremos uma estratégia ventilatória com a PEEP ajustada ao nível da PEEP de máxima complacência.

Monitorização da Recrutabilidade Pulmonar em Pacientes com Lesão Pulmonar Aguda/Síndrome da Angustia Respiratória Aguda (LPA/SARA): Descrição: Pacientes com diagnóstico de LPA/SARA comumente apresentam diferentes níveis de acometimento pulmonar. O uso de estratégias ventilatórias individualizadas em função das repercussões pulmonares apresentadas, parece reduzir a mortalidade de pacientes críticos ventilados mecanicamente. Diante disto, a estratificação dos pacientes com LPA/SARA que potencialmente se beneficiariam de uma estratégias ventilatórias com níveis de PEEP individualizados se faz pertinente. Neste projeto propomos implementar uma estratégia para estratificação e o ajuste da PEEP em pacientes com LPA/SARA, a partir da monitorização da curva volume-pressão, assim como de parâmetros da mecânica do sistema respiratório e oxigenação.

Ventilação Variável: Avaliação de um Novo Modo Ventilatório: Descrição: As estratégias ventilatórias usualmente empregadas no manejo de pacientes críticos apresentam um padrão ventilatório monótono. Tal padrão é bastante distinto do observado em indivíduos saudáveis ventilando espontaneamente, os quais apresentam uma importante variabilidade intrínseca tanto do volume corrente quanto da frequencia respiratória. Diversos autores têm reportado que a adição de uma variabilidade (ruído) ao padrão ventilatório durante a ventilação mecânica controlada parece contribuir para a melhora da função pulmonar em modelos experimentais de lesão pulmonar aguda. O presente projeto objetiva avaliar os efeitos da ventilação variável sobre as propriedades mecânicas do sistema respiratório, oxigenação e repercussões hemodinâmicas em pacientes ventilados mecanicamente.